Presos quatro homofóbicos agressores do jogador gay argentino de Rúgbi

Quatro jovens entre 20 e 25 anos foram presos como agressores homofóbicos que violentamente espancaram Jonathan Castellari, 25, jogador gay de rúgbi, em 01/12 numa fast-food, em Palermo.

Anúncio Publicitário:

A queixa de crime de “tentativa de homicídio agravado” foi feita no Ministério Público Nacional de Investigação Criminal, com chefia da procuradora María Paula Asaro.

Jonathan Castellari ficou cinco dias internado e hoje passa por acompanhamento psiquiátrico (Foto: Infobae)

Jonathan Castellari ficou cinco dias internado e hoje passa por acompanhamento psiquiátrico (Foto: Infobae)

Através das câmeras de segurança, foi possível identificar oito agressores. Somente um do grupo que não participou diretamente no espancamento não foi possível identificá-lo. Entre eles, quatro foram presos: Alejandro e Gastón Trotta, Juan Ignacio Olivieri e Facundo Curto. Os outros agressores identificados já foram notificados, mas não tiveram seus nomes divulgados pelo Ministério Público, que espera para os próximos dias a prisão do restante do bando.

O caso

Jonathan Castellari estava com seu amigo Sebastián na manhã do dia 1 de dezembro numa lanchonete do MacDonnald’s, no centro de Buenos Aires, quando um grupo de rapazes, entre 20 e 25 anos, aparentemente bêbados, começaram a zombar deles por serem gays.

Jonathan e Sebastián aguardavam seus pedidos quando foram alvo de injúrias de um grupo de jovens bêbados (Foto: Arquivo Pessoal)

Jonathan e Sebastián aguardavam seus pedidos quando foram alvo de injúrias de um grupo de jovens bêbados (Foto: Arquivo Pessoal)

No momento que Jonathan e Sebastián foram fumar um cigarro para aguardar que o grupo fosse embora do local, o grupo começou agredir violentamente o Jonathan que caiu desacordado.

Sebastián, que foi menos agredido, se jogou sobre o corpo de Jonathan para fazer de escudo de defesa. Uma enfermeira que estava tomando café no local ajudou-os, levando Jonhathan para o Sanatório Guemes, próximo dali.

Jonathan Castellari hospitalizado ficou a perigo de perder a visão de um dos olhos por conta da lesão (Foto: Arquivo Pessoal)

Jonathan Castellari hospitalizado ficou com risco de perder a visão de um dos olhos por conta da lesão (Foto: Arquivo Pessoal)

Jonathan ficou com inúmeras escoriações pelo corpo, dentes quebrados e uma fratura no osso sob o olho, com risco de perder a visão deste olho.

O jogador de rúgbi ficou cinco dias internado e hoje está em acompanhamento psiquiátrico por conta dos episódios de fobia, como medo de sair para a rua.

Anúncio Publicitário:
A URL encurtada deste post é: https://gay.com.br/aASYx
By | 2017-12-28T11:54:15+00:00 dezembro 28th, 2017|Categories: Buenos Aires|Tags: , , , |

About the Author:

Redação
%d blogueiros gostam disto: