Gay morre após espancamento em Piripiri-PI

Faleceu nesta terça-feira, dia 9, Valteres Peixoto, 30. Ele estava internado no Hospital Regional Chagas Rodrigues, em Piripiri (município ao norte do Piauí, distante 160 km de Teresina), quando foi encontrado com sinais de espancamento, por populares num matagal próximo à rotatória da BR 343 (rodovia que liga a cidade de Luís Correia a Bertolina). A vítima morava em Teresina, e estava em Piripiri passando as festividades do fim de ano.

Anúncio Publicitário:

O presidente do Grupo Gay de Piripiri, Gerson Renato, ao ser informado do ocorrido, acionou a Polícia Civil. O caso está aos cuidados da delegada Dra. Lucivânia Vidal e diz que está trabalhando com a hipótese de homofobia, mas “não estou vendo somente homofobia nesse caso já que a vítima era conhecida pela polícia por praticar crimes patrimoniais, mas estou determinando que a perícia também seja baseada na visão homofóbica”, disse a delegada para o CidadeVerde.com

Segundo Gérson, a vítima já havia sobrevivido a uma tentativa de homicídio em Teresina, quando foi alvejado com três tiros e outra vez de um esfaqueamento.

Com informações:

Anúncio Publicitário:
A URL encurtada deste post é: https://gay.com.br/ahYZk
By | 2018-01-11T10:34:30+00:00 Janeiro 11th, 2018|Categories: Piripiri|Tags: , , |

About the Author:

Redação
%d blogueiros gostam disto: